Home Sobre Mim Resenhas Colunas Contato Parceiros

Hora do Dorama: Thank You


 Oioi, gente! Hoje estou aqui novamente para indicar um dorama para vocês e dessa vez é uma produção um pouco antiga, mas que traz uma história muito emocionante e que aborda um tema muito interessante que é a Aids. Vamos conferir?

 Em "Thank You" vamos conhecer Lee Young Shin, uma mãe solteira que cuida de seu avô que tem demência e de sua filha, Lee Bom, que é uma portadora de HIV que foi infectada após o erro de uma médica.
 Do outro lado temos Min Ki Seo, um médico muito competente, mas que depois de não conseguir salvar sua noiva se tornou alguém muito frio e desistiu da medicina. Sua noiva antes de morrer lhe pediu para procurar a criança que ela infectou com HIV para pedir desculpas por ela.
 Acontece que a noiva de Min Ki Seo deu um urso para Lee Bom e ele acaba indo parar na ilha que a criança mora e a procura, mas não para realizar o desejo de sua noiva e sim para roubar o urso de volta.
 No entanto, por conta de alguns acontecimentos Min Ki Seo acaba alugando um quarto na casa de Lee Young Shin e com o passar dos dias vai se apegando aos moradores dessa casa e se transformando em outra pessoa.


 É uma história curta, mas que conseguiu me emocionar muito, pois trouxe uma história bem triste e bonita, onde acompanhamos um amor materno simplesmente maravilhoso.
 Lee Young Shin é simplesmente incrível, ela é muito dedicada e forte, é quem cuida da casa sozinha e sempre tenta se manter firme e feliz, também é muito compreensiva e aguenta tudo sozinha.
 Uma das partes mais emocionantes para mim foi quando Lee Young Shin ficava repassando com Lee Bom algumas regrinhas que consistiam em atitudes para a garota não infectar nenhuma pessoa por acidente, onde a menina não poderia aceitar ajuda de ninguém quando se machucasse, não poderia compartilhar objetos e se sangrasse precisava se limpar e guardar o pano em um saco.
 Isso cortava meu coração, porque a Lee Bom é só uma criança e não entendia o motivo de ter que fazer essas coisas, principalmente a parte de não aceitar ajuda de alguém quando se machucasse, visto que ela ajudava todos os seus amigos.
 Sendo que Lee Bom é outra personagem que é extremamente cativante, é uma garotinha muito doce e inteligente que me conquistou desde o começo.


 Já Min Ki Seo é um personagem bem frio e chato às vezes, mas por conta de todos os acontecimentos em sua vida dá para compreender as suas atitudes e com o decorrer da história ele amadurece e muda, se tornando alguém muito cativante, principalmente por todo seu cuidado com Lee Bom e Lee Young Shin.


 Mas há um outro personagem no meio disso tudo e existe um quase triângulo amoroso envolvendo ele, Lee Young Shin e Min Ki Seo. Esse personagem é o pai de Lee Bom, pai esse que a abandonou e agora possui uma vida ótima, enquanto Lee Young Shin passa por várias dificuldades. Por conta disso, esse é um personagem que eu não consegui gostar, mas ele teve algumas atitudes boas.
 O avô de Lee Young Shin é outro personagem que merece destaque, pois é simplesmente adorável, é um senhor muito doce e que foi muito bem interpretado pelo ator.


 O romance desse dorama é muito bonito de acompanhar, o mesmo se desenrola de forma natural, não é nada apressado demais e é muito bacana ver a mudança dos personagens por conta desse romance.
 Também é bacana acompanhar alguns procedimentos médicos que acontecem na história, embora eu confesse que a produção envolvendo sangue não eram muito convincentes.


~~ Esse é um possível spoiler ~~ 
 Uma das partes que mais mexeu comigo foi quando a população da ilha descobriu que Lee Bom tinha HIV, as pessoas por conta do preconceito e da ignorância começaram a tratar mal a garotinha e sua família, tanto a ponto de baterem em Lee Young Shin e a expulsarem da ilha, sendo que ela não tinha para onde ir e muito menos dinheiro.


 "Thank You" é uma história que realmente conseguiu mexer comigo, acredito que por envolver criança se tornou tudo ainda mais emocionante e a história foi bem trabalhada, sem contar que os personagens são bem cativantes.
 Enfim, é um drama muito bom que valeu a pena ter assistido, pois chorei e ri bastante, mas também tirei algumas boas mensagens da história e por isso super recomendo.

 

Deixe um comentário:

  1. Que história ;-; só lendo quase chorei,lindo,triste adorei kkk ;-;

    ResponderExcluir
  2. Olá, ainda não conhecia esse dorama e após ler seu post já fiquei com uma vontade enorme de assistir. Os personagens são interessantes, a premissa também, especialmente por trazer um pequena personagem com AIDS.

    petalasdeliberdade.blogspot.com

    ResponderExcluir
  3. Olá!
    Não conhecia essa história e parece ser bem triste mas tb percebi que da pra tirar grandes aprendizados.
    Gostei bastante das suas considerações!
    Beijos!

    Camila de Moraes.

    ResponderExcluir
  4. Oi, tudo bem?

    Puxa, adorei saber sobre essa história, por causa do tema abordado. Fiquei feliz por algo assim ter sido produzido, ainda mais há mais tempo. Acho que deveríamos conhecer mais esse tipo de história para conscientizar e para dizer que, sim, existe. Achei a guriazinha meio inexpressiva, mas fiquei interessada em assistir. Obrigada pela dica! :)

    Love, Nina.
    http://ninaeuma.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  5. Olá, tudo bem? Juro que tenho medo de assistir um dorama e acabar ficando viciada HAHAHA adorei conhecer um pouco mais sobre esse e fiquei curiosa <3
    Beijos,
    http://diariasleituras.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  6. Não me interesso por doramas, mas das resenhas que já li, este sem dúvida foi o que me fez para e pensar em ler. Lee (mãe) sem dúvida é uma batalhadora, pois não é fácil passar o que ela passa. Acho que eu ia chorar lendo este dorama.
    Bjs

    ResponderExcluir
  7. Eu sou apaixonada por doramas <3 mas infelizmente não tive mais tempo para assistir qualquer que seja. O último que vi - e parei na metade - foi "W - Two Worlds".
    Em relação a sua sugestão, tenho certeza que ia chorar e muito :T

    ResponderExcluir
  8. Oi, tudo bem?
    Bem, fui conhecer doramas aqui no seu blog, até então não conhecia! Nunca tinha ouvido falar pra ser sincera! Achei super bacana, é diferente e parece ser divertido, acho que só vendo para ter certeza! Parabéns pelo post!

    ResponderExcluir
  9. Ai faz tanto tempo que não assisto Dorama, fico feliz que tenha gostado tanto e trazido a indicação aqui e pretendo com toda certeza procurar para realizar o download e ler em breve, ótima indicação.
    Abraços

    ResponderExcluir
  10. Moça, também sofro nessa vida de dorameira e talvez seja por isso que ainda não tenha criado coragem para assistir esse.
    Ultimamente estou tentando assistir histórias mais lights, mas conheço 'Thank you' e sempre ouço falar bem.
    Quando eu finalmente assistir, volto aqui para dizer o que eu achei! :)

    Beijos!

    ResponderExcluir
  11. aaaah, eu fiquei afim de ver esse dorama, faz tempo que não assisto um, e a temática me deixou interessada...
    vou me cadastrar nosite pra quando tiver tempo, assistir...
    bjs ^^

    ResponderExcluir
  12. Oi.

    Você acredita que eu não sabia o que era dorama, sempre via isso em alguns lugares, mas nunca parei para ver sobre o que se tratava. Vou descobrir mais um pouco sobre doramas e ver se me interesso por alguma.

    ResponderExcluir
  13. Minha nossa, que coisa linda. Fiquei querendo conhecer mais dessa história. Adoro filmes com esses temas fortes.
    Ótima dica.

    ResponderExcluir
  14. Que história emocionante...fiquei curiosa para conferir. Nunca vi nenhum dorama e gostaria muito de conhecer mais a respeito.

    Abraços

    ResponderExcluir
  15. Sempre que eu venho aqui você me aparece com um dorama mais lindo que o outro. <3 Vou colocar esse na minha lista também!

    ResponderExcluir

 
Criado por: Bruna Borges || Todos os direitos reservados || Tecnologia do Blogger