Home Sobre Mim Resenhas Colunas Contato Parceiros

Resenha: O que eu sei de verdade


Título: O que eu sei de verdade • Autora: Oprah Winfrey • Editora: Sextante • Páginas: 144 • Ano: 2017

 Ultimamente eu estou lendo mais autoajuda, pois gosto bastante e embora a leitura desse gênero geralmente seja menos fluída, é um dos meus gêneros favoritos simplesmente porque sempre há algo para aprender.
 A Oprah é uma celebridade muito conhecida, que obteve muito sucesso na vida profissional e por essa razão fiquei animada para ler seu livro, mas eu não sabia o que iria encontrar e depois de ler passei a admirar ainda mais essa mulher.


 Nesse livro vamos conhecer um pouco sobre a Oprah, uma mulher negra que nasceu pobre e trilhou seu caminho rumo ao sucesso, sempre se dedicando ao máximo em tudo e passando por dificuldades, mas se mantendo firme. Ela vem através desse livro contar sobre o que ela sabe de verdade na vida por meio de textos curtos e reflexivos que abordam vários temas.
 Aqui o leitor vai entender um pouco como que Oprah lidou com todos os assuntos de sua vida; a forma como ela aprendeu a se amar, como fez para chegar aonde está hoje, entre outras coisas e vai refletir bastante com as belas mensagens que a autora traz.

"Continue a acreditar que, por mais difícil que seja a trajetória, há sempre uma forma de permitir que um raio de luz ilumine o caminho."

 Eu confesso que nunca li nada sobre a vida da Oprah, apenas sei o que quase todo mundo sabe, que é o fato dela ser uma apresentadora muito famosa e por isso foi ainda mais interessante ler esse livro, porque agora sinto que conheço um pouco dessa artista.
 Os textos da autora são curtos, geralmente contando algo sobre a vida dela e em seguida nos mostrando o aprendizado que ela tirou dessa situação, onde sempre ela diz: "O que eu sei de verdade..." para concluir.


 Há textos sobre Gratidão, Lucidez, Poder, Perseverança, todos com um fundo de autoajuda mesmo, pois a intenção da autora é nos ajudar a encontrar a nossa melhor versão e para isso devemos aprender a ser gratos, a nos amar, a ajudar o próximo, a confiar em nós mesmos, etc.
 No entanto, é um livro bem curto e leve, onde a autora é direta, ela não vai ficar te dando uma instrução do que você precisa fazer, ela só vai contar o que sabe e então cabe ao leitor refletir e tentar aprender com isso.


 Todos os textos são interessantes e me conquistaram, tanto que fica difícil eu citar qual capítulo me agradou mais, mas um dos melhores foi um do capítulo intitulado Poder, onde a autora nos conta a história de um homem negro e humilde que sonhava em votar e quando finalmente ele teve a chance por conta do preconceito acabou não conseguindo e então morreu antes de ter a próxima oportunidade para isso.
 E o que aprendemos com isso? Que devemos dar valor à esses direitos que hoje temos, como o voto, pois para que isso fosse possível para a maioria de nós, muitos tiveram que lutar por isso e tantos outros morreram sem conseguir ter direitos.
 Outro ponto que a autora aborda nesse mesmo texto é sobre o poder que as mulheres possuem, mas que infelizmente não usam, tanto que ela cita que poucas mulheres votaram em uma certa eleição nos Estados Unidos e se tivessem votado provavelmente teriam mudado o resultado.

"Sojourner Truth, em sua palestra na Convenção dos Direitos da Mulher, em Akron, no ano de 1851, disse: "Se a primeira mulher que Deus fez era forte o suficiente para virar o mundo de ponta-cabeça sozinha, as mulheres unidas deveriam ser capazes de desvirá-lo e colocá-lo na posição certa outra vez!"

 A diagramação do livro está muito bacana, começando pela capa que está simples, mas ao mesmo tempo muito bonita e por dentro há um pequeno detalhe nas trocas de capítulos e textos, tendo tudo está muito agradável para a leitura. E a leitura desse livro é muito fluída, pois são textos curtos e a autora é direta ao ponto.


 Esse é um livro bem leve e que proporciona uma leitura muito agradável e rápida, mas que traz muitas coisas para o leitor pensar, ele te fará refletir bastante com os textos e você concluirá a leitura tendo aprendido algo para a.sua vida.
 Enfim, O que eu sei de verdade é que esse livro é muito interessante, pois traz ótimos textos e o leitor pode aprender bastante com a trajetória da Oprah, especialmente ser uma pessoa melhor e mais agradecida, logo eu super recomendo.

(livro recebido em parceria com a editora)

Deixe um comentário:

  1. Oi, tudo bem?
    Adorei sua resenha e esta deve ter sido ser uma leitura bastante inspiradora. Adoro a Oprah e sei que sua trajetória de vida não foi fácil. Ela é uma mulher realmente incrível, que venceu na vida com muito esforço e, com certeza, serve de inspiração.
    No entanto, eu não sou muito fã de livros nesse estilo, então, não é uma leitura que me interesse muito nesse momento.
    Mas vou deixar a dica anotada, pois, em algum outro momento, pode me interessar mais.
    Beijos!

    ResponderExcluir
  2. Oie! Tudo bem?

    Olha eu sou muito por fora da vida das pessoas famosas, conheço a Oprah bem por cima mesmo, quase nada para ser bem sincera! Sabia que ela havia lançado esse livro, mas não sabia sobre o que se tratava em si, fiquei sabendo um pouco mais sobre a obra pela sua resenha, acredito que não seria uma leitura que eu realizaria por agora, mas quem sabe futuramente! Irei deixar a dica anotada!

    BJss

    ResponderExcluir
  3. Olá!! :)

    Eu não conhecia o livro mas ainda abem que gostaste de fazer a leitura! :) Já ouvi falar desse livro há algum tempo, mas entretanto nunca mais me lembrei dele mesmo!! :) ahahah

    Bem, acho ótimo que seja uma leitura tao leve e ao mesmo tempo reflexiva! :) Espero vir a ler!! :)

    Boas leituras!! ;)
    no-conforto-dos-livros.webnode.com

    ResponderExcluir
  4. Oprah é um exemplo de mulher e pode se considerar também um exemplo de profissional,não deve ser nada fácil chegar onde ela chegou.

    ResponderExcluir
  5. Olá, tudo bem??

    Admito que eu já tentei diversas vezes ler livros nesse gênero, mas simplesmente não vai, sabe?!
    Gostei desse por ser textos separados com cada tema, quem sabe um dia eu não dou uma chance hehe
    Obrigada pela indicação! Parece ser realmente um livro que tiramos algum proveito e aprendizagem

    XOXO
    umnovo-roteiro.blogspot.com

    ResponderExcluir
  6. Oi, tudo bem?
    Como você, eu também conhecia a Oprah pelo o que as pessoas diziam mesmo, mas nunca assisti nada dela ou algo do gênero. Não curto muito livros de auto-ajuda, mas esse me parece interessante por causa das dicas que ela dá, que faz com que o leitor se conheça um pouco e aprenda com suas experiências de vida, não deve ter sido fácil mesmo para ela. Dica anotada!

    Beijos! ♥

    ResponderExcluir
  7. Olá,

    Não leio muitos ajuda ajuda, mas concordo que com a leitura de livros do gênero, sempre tiramos algum aprendizado. Não conhecia esse livro, mas ele parece ter uma boa proposta. Bem legal a autora não dizer ao leitor o que fazer, mas sim contar sua parte e fazer com que o leitor reflita. Adorei a resenha, dica anotada!

    www.virandoamor.com

    ResponderExcluir
  8. Oiee
    Conheço a Oprah por causa da figura importante q é nos EUA, mas o livro ainda não conhecia.
    Auto ajuda é um gênero que nao me agrada muito então, não saberia descrever bem sobre a minha opinião.
    Que bom q pra vc foi agradável e te deixou reflexões. Gosto qdo isso acontece comigo.
    Por enqto, passarei a dica.
    Bjo

    ResponderExcluir
  9. Oi, tudo bem? Não sabia que seria publicado um livro da Oprah esse ano e fiquei feliz em conferir sua opinião sobre esse livro do gênero auto ajuda, já que tenho tido um interesse leve nele este ano. Por ser curtinho, é provável que eu consiga ler ainda esse ano. Obrigada pela dica, beijos.

    ResponderExcluir
  10. Olá!
    Eu admiro muito os amantes de poemas, poesias, auto-ajuda, biografias. Mas, não é minha praia. Infelizmente não tenho esse dom. x)
    Mas está anotado a dica, se alguém me pedir uma indicação, já sei que livro apresentar. Afinal estamos falando de Oprah!!!
    Abs
    Ni
    Cia do Leitor

    ResponderExcluir
  11. Oi. Tudo bem?
    Eu não sou muito fã de livro de autoajuda, tanto que até hoje li poucos do gênero. Apesar disso, O que eu sei de verdade me parece ser bem interessante. Ainda não conhecia o livro, mas fiquei interessado.Eu adoro texto que proporcionam reflexão, talvez seja esse o motivo por ter ficado tão interessado pelo o livro. É muito bom saber que você gostou do livro e que ele também é bem simples e fácil de ler. Vou colocar na minha lista e quando tiver oportunidade, vou tentar pagar para ler. Obrigado pela dica. Adorei conhecer mais sobre o livro na sua resenha.
    Abraço!

    ResponderExcluir
  12. Oiee ^^
    Eu também não sabia quase nada a respeito da Oprah, e "descobri" recentemente que ela também é atriz (*-*), então fiquei ainda mais curiosa para ler este livro, pois quero muito conhecê-la melhor. Fico feliz em saber que gostou tanto, estou doida para conhecer a trajetória dela :)
    MilkMilks ♥

    ResponderExcluir
  13. Oi, Lari

    Eu não gosto de autoajuda, não é um gênero que cause em mim algum efeito, sabe?
    Eu nem tinha conhecimento desse livro, que bom que você gostou. Livros que colocam a gente para pensar e refletir são sempre bem-vindos.

    Beijo

    ResponderExcluir
  14. Oie
    linda resenha a sua, parabéns. Deve ser realmente uma historia incrível, eu não conheço muito da Oprah mas com certeza leria o livro pois me deixou curiosa desde que foi lançado, bela dica e que bom que gostou tanto

    beijos
    http://realityofbooks.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  15. Oi Lari.
    Eu leio pouco autoajuda, mas sempre quando leio tiro algo que acrescenta na minha vida.
    É ótimo quando não colocamos expectativa sobre um livro e ele nos agrada muito. Gostei da autora só falar do que ela sabe e não ficar dando um monte de instruções para o leitor.

    ResponderExcluir
  16. Olá! Confesso que nunca fui de ler muitos livros de autoajuda, na verdade, dá para contar nos dedos de uma mão todos os que li até hoje, rs. Porém, pretendo mudar isso neste ano. Sem dúvidas, está anotada essa dica, rs.

    ResponderExcluir
  17. Não gosto muito de autoajuda, embora já tenha lido uma ou outra coisa. Não é muito meu estilo, prefiro provocar minhas mudanças por romances mais reflexivos...

    A Oprah é realmente uma mulher incrivel e acredito que tenha muito a nos ensinar com toda bagagem que ela carrega da vida: desde sua infância pobre a sua vivência no mundo dos poderosos, hoje. A sua foi a primeira resenha que vi desse livro e gostei bastante do que você apresentou da obra.

    ótima resenha!

    Abraços!
    www.asmeninasqueleemlivros.com

    ResponderExcluir
  18. Olá, não tinha conhecimento do livor ainda, mas fiquei bem curioso. Pois como você cita no inicio da resenha, conhecemos mais profundamente Oprah, uma mulher negra que ascendeu para o sucesso em um país onde o preconceito racial ainda é super vivo. Anotei aqui a dica, e espero gostar dos textos e capítulos tanto como você.

    ResponderExcluir
  19. Achei uma excelente dica. Eu só conheço o lado artístico da Oprah, e acho interessante ver através dos textos a continuação de sua personalidade. Fiquei curiosa sobre a opinião dela à respeito dos temas em destaque, espero ler em breve.
    Bjim!
    Tammy

    ResponderExcluir

 
Criado por: Bruna Borges || Todos os direitos reservados || Tecnologia do Blogger