Home Sobre Mim Resenhas Colunas Contato Parceiros

Li até a págin a 100 e... O menino feito de blocos



Criado pelo blog "Eu leio, eu conto", Li até a página 100..., consiste em dizer o que achamos da nossa leitura atual até a centésima página. 

 O livro que estou lendo é "O menino feito de blocos" da editora Record, foi publicado em 2016 e possui 378 páginas.  Eu confesso que quis esse livro por causa do título e capa, e como quase sempre faço, iniciei a leitura sem saber praticamente nada sobre a história e para a minha alegria fui conquistada logo nas primeiras páginas.

PRIMEIRA FRASE DA PÁGINA 100:
"-Foi mal. Foi mal eu não ter ajudado mais. Vamos trazer o Sam de novo na semana que vem. Quando estiver com um humor melhor."

DO QUE SE TRATA O LIVRO?
 Nesse livro vamos acompanhar a história de um pai e seu filho autista, a luta desse homem para se aproximar mais do garoto que por muito tempo teve o pai um tanto distante, embora morando sempre juntos. E o mais bonito é que é tudo inspirado na história do autor com seu filho.

O QUE ESTÁ ACHANDO ATÉ AGORA?
 Eu estou simplesmente amando a leitura, pois temos um protagonista humano, que comete muitos erros e não sabe lidar com a situação do seu filho, mas que vai tentar mudar a situação e achei muito bacana o autor trazer um jogo eletrônico na história, mostrando o quanto esse tipo de coisa pode ajudar as crianças.

O QUE ESTÁ ACHANDO DA PERSONAGEM PRINCIPAL?
 Ele está longe de ser o melhor pai do mundo, mas mesmo assim me cativou desde o começo, pois como já comentei, ele é humano e comete erros. E é mais admirável ainda ele decidir mudar, embora só depois de ter passado por alguns problemas.

MELHOR QUOTE ATÉ AGORA:
"Quando você perde alguém, a dor vai atrás de você com tudo, como uma enchente-relâmpago, derrubando todas as defesas que ergueu com tanto cuidado. Você faz o que pode; usa o que estiver à mão para ajudá-lo a sobreviver."

VAI CONTINUAR LENDO?
 Óbvio, pois já fui completamente cativada pela história e agora estou ansiosa para saber o rumo que as coisas vão tomar e quais serão as atitudes do protagonista.

ÚLTIMA FRASE DA PÁGINA:
"Ela vai até ele, usando de bom senso, em vez de abraçá-lo, estende a mão. Sam não olha para ela, mas aperta sua mão por um segundo antes de se esquivar."
 Por hoje é isso, pessoal! O que acharam das minhas primeiras impressões sobre esse livro? Eu estou doida para terminar e trazer a resenha para vocês. Enfim, alguém já leu essa obra ou tem curiosidade?

Beijos da Larii

Deixe um comentário:

  1. Uaaaaau. Não sabia nada sobre esse livro. Sou psicóloga e adoro temas assim, especialmente sabendo que se trata de um enredo sensível sobre um pai com seu filho autista baseado em fatos reais. Já anotei a dica!

    Beijos!
    http://www.myqueenside.com.br

    ResponderExcluir
  2. Que bacana! Nunca tinha ouvido falar sobre esse livro! É muito raro termos a oportunidade de ler livros com protagonistas que enfrentam alguma doença assim (a maioria são romances onde um acaba descobrindo que tem algo incurável só no final), e sendo uma história real, realmente deve mexer muito com a gente ♥

    ResponderExcluir
  3. Oi, Lari!
    Só a primeira página já me deixou mais curiosa. Acabei de ler uma resenha sobre o livro e quero o ler. Certeza que vou me emocionar com a leitura.
    Beijão!
    http://www.lagarota.com.br/
    http://www.asmeninasqueleemlivros.com/

    ResponderExcluir
  4. Oie! Tudo bem?
    Tentei fazer isso uma vez e não deu certo, não tenho paciência ashuahus mas gostei de conhecer o livro, mas ele não me chama a atenção, por isso passo a dica, mas espero que você tenha uma ótima leitura!
    Bjss

    ResponderExcluir
  5. Gostei do enredo do livro,só quem convive com uma criança autista sabe que as vezes não é fácil de lidar com a situação, a história tem tudo para ser legal...

    ResponderExcluir
  6. Adoro esse tipo de post e que bom que você tá gostando pra continuar.
    Só leio resenhas positivos desse livro, então acho que você vai gostar muito do final da leitura, pelo que andam dizendo. E eu quero muito conferir!

    Virando Amor

    ResponderExcluir
  7. Olá, eu achei bem legal o livro trazer a visão de uma garoto autista, muitas pessoas ainda tem dúvida sobre essa síndrome, eu sou um. Pretendo acompanhar o blog, e ler a sua resenha deste livro, acredito que vocÊ conseguirá me convencer a ler o livro.

    ResponderExcluir
  8. Oi!
    Foi um prazer conferir as suas impressões! Gostei muito do estilo da postagem! Bem criativo!
    Nunca ouvi falar neste livro, mas a capa é bem interessante! Quanto à história, senti que faltou algo para me prender, para me instigar à leitura... Não é bem o que eu costumo ler.
    Mas obrigada pela dica!
    Beijos :*

    ResponderExcluir
  9. Oieee...
    Achei bem legal a ideia de dar a opinião sobre as primeiras 100 páginas do livro...
    Amei a premissa, e ainda mais por saber que é baseado em fatos reais.
    Gosto bastante de livros e filmes sobre o autismo, pois tenho muita curiosidade com esse assunto.
    Espero que até o final o pai aprenda a lidar com seu filho e relate um final feliz!
    Um beijo!!

    www.asmeninasqueleemlivros.com

    ResponderExcluir
  10. Oi, Lari!
    Esse livro está na pilha de leituras e pretendo ler em breve. Já li algumas resenhas elogiando bastante e pelos seus comentários acho que vou gostar da leitura.

    Beijos,

    Rafa [ blog - Fascinada por Histórias]

    ResponderExcluir
  11. Oie Lari, espero que você goste tanto quanto eu, esse livro é maravilhoso e passa uma mensagem muito profunda sobre como é a vida de uma família que tem que enfrentar as lutas diárias de um filho com autismo!

    Bjs Jany

    www.leituraentreamigas.com.br

    ResponderExcluir
  12. Oi. Me arrependi de não ter solicitado esse livro para a editora. Agora que li sua resenha e de outras pessoas elogiando muito o livro, fiquei ainda mais triste por não ter lido ele ainda. Quero muito fazer isso, estou torcendo para que consiga comprar e ler este ano.

    ResponderExcluir
  13. Oi Lari.
    Gostei das suas primeiras impressões.
    Não sabia que o livro é baseado na história do autor com o filho dele, acho que isso é um ponto positivo. Também gostei do quote que você destacou.
    Abraços.

    ResponderExcluir
  14. Olá,
    Já li algumas resenhas sobre a obra e confesso estar muito curiosa para fazer a leitura, afinal para mim o autismo é um tema inusitado já que não li nada ainda que fizesse tal abordagem.
    Fico feliz que esteja gostando tanto da leitura e que irá continuar! O que me chamou a atenção é o quão real os personagens são em suas atitudes e também que é baseado na relação do autor e seu filho.

    LEITURA DESCONTROLADA

    ResponderExcluir

 
Criado por: Bruna Borges || Todos os direitos reservados || Tecnologia do Blogger