Home Sobre Mim Resenhas Colunas Contato Parceiros

Resenha: Sombra


Título: Sombra • Autor: Michael Morpurgo • Editora: Geração • Páginas: 230 • Ano: 2011

 Eu não costumo ler muitos livros sobre guerras, mas esse assunto chama muito a minha atenção, pois geralmente são histórias bem emocionantes que me conquistam fácil, além disso sou apaixonada por cachorros e fiquei animada quando vi que nessa história havia uma cachorrinha muito especial.
 Então eu não perdi tempo para solicitar o livro, imaginei que seria conquistada logo nas primeiras páginas e foi o que aconteceu, me vi envolvida pela história que é narrada de forma tão simples, mas que é muito emocionante e bonita.


 Em "Sombra" vamos conhecer Matt, um garotinho que está esperando a visita de seu avô, mas o mesmo não vai conseguir ir visitar o neto e pede para o menino ir até a casa dele. O garoto nem pensa e aceita o convite na mesma hora.
 Chegando na casa de seu avô, Matt começa a falar sobre Aman, seu amigo que veio do Afeganistão com sua mãe, mas os dois foram presos em um centro de remoção de imigração e estão querendo mandar os dois novamente para o Afeganistão.
 Acontece que esse centro fica perto de onde o avô de Matt mora e o garoto pede para ele ir visitar seu amigo e tentar ajudá-lo, chegando lá Aman conta sua história para o avô de seu amigo e pede ajuda para não voltar para seu país.

"São o medo e a ignorância que matam os corações das pessoas, que as tornam cruéis."

 A narração do livro é dividida entre Matt, o avô dele e Aman, mas a maior parte é Aman narrando e contando sua história, o que é muito triste, pois vemos um garoto que era apenas uma criança lembrando de momentos terríveis na sua vida.
 Ele morava em Bamiyan, no Afeganistão, em 1996, quando o Talibã subiu ao poder do país e então o lugar se tornou um inferno, pois esses novos líderes queriam matar todos, as pessoas foram expulsas de suas casas, não tinham o que comer direito, entre várias outras dificuldades que tiveram que passar.
 A família de Aman foi morar em uma caverna e lá o menino nasceu e cresceu, então um dia os talibãs entraram nessa caverna e levaram o pai do garoto, depois disso sua avó e sua mãe ficaram transtornadas e sobrava para Aman conseguir comida e tudo o que fosse necessário para eles sobreviverem.
 Então um dia uma cachorra Springer Spaniels apareceu na caverna de Aman, ela estava toda machucada e com fome, e apesar do garoto ter pouco para ele e estar passando por momentos difíceis, ele quis cuidar dessa cachorra, e não imaginava que ela iria mudar sua vida e ajudá-lo tanto.

"Quando estava acordado, eu desejava estar dormindo para poder esquecer o que estava acontecendo, esquecer o quanto eu queria água e comida o tempo inteiro. Acordar era o pior."

 Basicamente o leitor vai acompanhar a jornada de Aman para fugir desse país que estava em guerra e é realmente triste ver as coisas pelas quais o garoto e sua família passava, porque é algo real, algo que realmente aconteceu com muitas famílias e por isso é uma história que vai emocionar o leitor e deixá-lo com o coração partido, porque ele imagina crianças passando pelo mesmo que Aman.
 O papel do cachorro nessa história é lindo, vemos o quanto esses animais são fieis e que eles realmente são anjos na vida das pessoas, é realmente tocante ver o quanto Sombra foi importante na vida de Aman.
 E então temos um personagem incrível e muito admirável, que é Aman, ele foi obrigado a crescer antes da hora, obrigado a deixar os brinquedos de lado e tentar sobreviver a todo custo e agora se vê desesperado com medo de ter que voltar para esse ambiente novamente.

"É estranho como, nos sonhos, pessoas que nunca sequer se conheceram podem se encontrar em lugares onde nunca estiveram."

 É uma história curta, dividida em capítulos curtos e possui alguns ilustrações muito bonitas sobre a história, por isso é uma leitura que pode ser feita rapidamente, mas embora seja simples e curta, traz uma história realmente muito tocante e com uma carga emocional grande.
 É impossível se sentir neutro com a situação narrada nesse livro, o leitor vai sentir raiva por tudo o que aconteceu, vai sofrer junto com os personagens e torcer para que eles tenham um final feliz.
 "Sombra" é aquele tipo de livro que faz com que o leitor pare durante a leitura para assimilar todo o sofrimento e todas as informações que a história está nos dando e embora aborde a guerra, um período bem dramático e triste, a narração não é do tipo dramática.


 A diagramação do livro está bem simples, não há detalhes nas trocas de capítulos, apenas na paginação e é um detalhe bem simples, mas o livro possui folhas amareladas e isso possibilita uma leitura agradável.
 O livro é narrado por uma criança, então a narrativa é simples, sem muitos detalhes e bem direta, o que faz com que a leitura flua facilmente e como se trata de uma história curiosa e triste, o leitor se sente envolvido e curioso para saber mais sobre a jornada de Aman.
 Agora a capa está simplesmente maravilhosa, representa perfeitamente a história ao meu ver, e embora tenha um foco enorme na cachorra, dando até a ideia de que é uma história sobre ela, ficou ótimo, porque a cachorra é uma peça fundamental na história e merece todo o destaque.
 E ao fundo podemos perceber um cenário que dá a ideia de uma guerra, cheia de soldados e aviões, e temos um garotinho que é o nosso doce e forte personagem, Aman.


 "Sombra" é um livro que merece toda a atenção dos leitores, ele é simples e talvez não chame tanto a atenção das pessoas, mas tem uma história linda e muito tocante que vai conquistar o leitor facilmente.
 É uma leitura que me envolveu logo nas primeiras páginas, me vi conquistada por Aman logo que ele apareceu na história e me senti tão triste por tudo o que li, mas ao mesmo tempo feliz por estar tendo a chance de conhecer uma história tão maravilhosa assim.
 Outra coisa que eu gostei muito nesse livro foi o final, o mesmo traz os agradecimentos do autor, o que é normal, mas então temos algumas outras informações bem interessantes sobre a história e escritas de forma bem resumida.
 Enfim, esse é um livro que sem dúvida alguma entrou para a minha lista de favoritos e tem grande chance de entrar para a de vários outros leitores também e por ser uma história tão bela, eu recomendo para todos.

(livro recebido em parceria com a editora)

Deixe um comentário:

  1. Essa não é uma temática que me agrada muito, mas a sua resenha me convenceu de que é uma leitura que vale muito a pena sim. E não sei como ainda não tinha ouvido falar sobre a obra, afinal de contas, deve ter muito a oferecer. Ainda mais se entrou para a sua lista de favoritos, já anotei a dica aqui comigo. Obrigada pela indicação.
    Beijos, Fer

    ResponderExcluir
  2. Oi
    Confesso que só pela sinopse não me interessaria pelo livro.
    Mas vendo sua resenha pude ter um olhar diferente e encontrei vários elementos que chamaram minha atenção. Gostei de saber que tem uma narrativa simples e dos valores que a história nos passa.
    Sem falar das ilustrações que amo!
    Anotei a dica e espero ter as oportunidade de ler.
    Beijinhos
    Rizia - Livroterapias

    ResponderExcluir
  3. Olha, eu não aguento ler um livro desse não, acho que morro de tanta dor no coração e de tanto chorar. Eu já fiquei angustiada com a tua resenha e com muita curiosidade para ler, mas leituras intensas assim às vezes eu prefiro não fazer ou atrasar um pouco. Mas tudo me atraiu muito e fiquei mesmo interessada em ler e espero que quando eu for ler, eu consiga ir até o final.

    ResponderExcluir
  4. OI!

    Eu gosto de livros nesse enredo, mas não curti esse. Primeiro pq pelo que compreendi o livro é narrado sobre três perspectivas e segundo pq realmente não me senti conquistada. Talvez esteja fazendo julgamento premeditado, mas deixarei para outra ocasião.Beijos!!


    PS: Gostei das ilustrações.

    ResponderExcluir
  5. Eu adoro livros com guerra de cenário e este livro aqui acabou de entrar para a minha lista de desejos porque adorei de verdade!!!
    A arte gráfica também está bem interessante e espero poder ler em breve!!!
    MEU AMOR PELOS LIVROS
    Beijos

    ResponderExcluir
  6. Não me interessei pela sinopse, mas sua resenha me fez sentir um pouquinho todas as coisas que você sentiu ao ler e me fez ficar curiosa pra ler!
    O tema é bastante forte, mas sei que vai ser uma leitura incrível e bela com vários ensinamentos. Ótima resenha!

    Virando Amor

    ResponderExcluir
  7. Ai, gente que livro! Como eu nunca ouvi falar nele?
    Amo livros com guerras e ainda mais com cachorros que também amo. Quero muito esse livro.
    Não tenho dúvidas de que ele tem mesmo seu toque de drama e que sofremos junto com os personagens.
    Que ótima dica. Amei a resenha.

    livrosvamosdevoralos.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  8. Oiii!!

    Assim como você, não tenho muito costume de ler livros dessa temática, porém tenho curiosidade com vários.
    Esse eu não conhecia, mas achei um enredo lindo e bem sensível. Que diagramação maravilhosa gente! Adorei! Parece um bom livro para nós fazer pensar e refletir. Não sei se leria no momento, mas em breve com certeza!

    Beijinhos

    ResponderExcluir
  9. Oiee ^^
    Eu ainda não conhecia esse livro, mas como adoro histórias que se passam em meio à guerras já fiquei curiosa. Adoro livros emocionantes ♥ Parece ser uma história tremendamente triste, e revoltante também, porque a gente sabe que isso acontece todos os dias, né? Adorei a premissa do livro, com certeza vou querer lê-lo, e já o coloquei na listinha de desejados.
    MilkMilks ♥

    ResponderExcluir
  10. Como não querer ler um livro com uma capa de cachorro e não se emocionar? haha
    Eu também adoro livros sobre guerras, mas os leio pouco. Adorei a premissa dele, adorei as ilustrações e com certeza uma leitura que vou fazer. <3

    ResponderExcluir
  11. Oi!
    Esse livro parece ser bem interessante por retratar bem a história daquelas famílias que viveram na época das guerras, o medo do que aconteceria com eles, a vida de fuga para lugares mais calmos... tudo isso deve mexer muito com o leitor.
    Infelizmente não é o tipo de livros que eu leio, pra falar a verdade corro desse genero de guerras hahaha, mas adorei a diagramação com ilustrações, deu um ar bem realista ao livro

    ResponderExcluir
  12. Helloo, tudo numa nice?!
    Essa é uma temática que me agrada muito, confesso. Só de imaginar todas as coisas que o Aman passou já fico com vontade de chorar. Eu sou extremamente curiosa e gosto de ler sobre outras culturas e sempre tive curiosidade sobre o oriente médio. Confesso que quando vi a capa entortei o nariz. Não curto muito estórias de animais, apesar de eu ter gostado bastante de Sempre ao seu lado. O enfoque na cachorra já ia me fazer passar longe do livro, mas depois que vi com atenção percebi um soldado e me animei mais para a estória.
    Acho que com certeza eu amaria!! Tem uma carga de conteúdo interessante.
    Beijin...

    ResponderExcluir
  13. Oi Lari, tudo bem?
    Antes de mais nada, eu amei essa capa e à primeira vista, também tive a impressão de que a história focaria mais na cachorrinha. Eu sou loucamente apaixonada por cachorros, então fiquei um pouco triste por saber que ela não é a personagem principal do livro, ao mesmo tempo que fico contente por desenvolver um papel fundamental na história. Por a história se tratar de guerras, achei que devia ser um livro triste que exige uma carga emocional grande, mas você disse que é narrado por uma criança e é feito de maneira bem direta, o que acabou aumentando meu interesse em conhecer a história. Com certeza vou lê-lo, adorei a sua resenha!

    Beijos!

    ResponderExcluir
  14. Oi, flor.

    A princípio, eu não gosto muito de livros que contém guerras e tal. Mas lendo sua resenha, acabei me interessando na leitura, visto que você fala tão bem dele. Logo nas primeiras páginas a trama já de tocou e no final é so emoção que não cabe no peito. Vou anotar a dica, mas por causa de você rs Gosto de livros tocantes e espro ler em breve. Fico feliz que você tenha gostado da leitura ♥

    Beijos,
    www.anebee.com.br

    ResponderExcluir
  15. Oi *--*

    Nossa não conhecia a estória e endo só a capa não dava nada. Fiquei curiosa pra ler e vendo sua resenha fiquei curiosa pra ver toda essa coisa que te encantou. Adoro quando os livros trazem finais emocionantes dá aquela sensação de missão cumprida. Anotadissimo a dica.

    Bjos
    http://rillismo.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  16. Oi.
    Eu adoro um enredo que envolve guerra, mesmo sabendo que será triste. E Sombra despertou meu interesse por falar sobre o Oriente Médio, e por trazer a história sob o ponto de vista de uma criança.
    O fato de livro ter ilustrações é ótimo, e ainda tendo uma cachorrinha na trama fechou. Anotei a dica, e espero ler em breve.

    Beijos.
    Leituras da Paty

    ResponderExcluir
  17. Oi, tudo bem?
    Olha, eu me apaixonei por essa capa. Cachorros são sempre adoráveis e essa cadela aí é fofa demais.

    Fiquei comovida com esse drama. Ai, meu Deus, preciso ler esse livro.
    Ele me lembrou "O menino do pijama listrado", por algum motivo.
    Sua resenha ficou com uma carga emocional bem evidenciada, amei. Adoro ler resenhas que me tocam e fazem com que eu queira muito ler o livro.

    Pode ter certeza que eu lerei esse.
    Obrigada pela dia e parabéns pelo trabalho.

    Ingrid Cristina
    Plataforma 9 3/4

    ResponderExcluir
  18. Olá, sabe que eu li um livro meio parecido com esse, Soldier, conhece? aquele só não se passa na guerra, mas também é uma história muito comovente e que nos faz refletir, ainda mais por ter um cachorro no meio, e eu adoro e acho lindo essa amizade fiel que eles oferecem. Por isso já fiquei curiosa para ler esse livro!

    Beijos

    http://www.oteoremadaleitura.com/

    ResponderExcluir
  19. Percebi que a questão do cachorro foi só uma pequena utilização para mostrar o horror que a guerra causa em qualquer lugar do mundo, por isso que foi até um certo destaque. Imagina viver em meio ao caos como você descreveu, viver em uma caverna? E eu sempre penso como seria vivermos em meio a tudo isso.

    Beijos,

    Greice Negrini

    Blogando Livros
    www.amigasemulheres.com

    ResponderExcluir
  20. Oii, tudo bem?
    Tenho certeza de que a leitura desse livro foi muito emocionante, e que ela traz muitas lições valiosas. Eu gosto muito de livros assim, pois eu me coloco no lugar de outras pessoas quando estão em momento dificeis.

    ResponderExcluir

 
Criado por: Bruna Borges || Todos os direitos reservados || Tecnologia do Blogger