Home Sobre Mim Resenhas Colunas Contato Parceiros

Resenha: A história de nós dois


Título: A história de nós dois • Autora: Dani Atkins• Editora: Arqueiro • Páginas: 351 • Ano: 2016

 Eu li o livro "Uma Curva no Tempo" da autora e fui completamente conquistada, por isso fiquei muito animada com esse lançamento e como gostei muito do outro livro, as minhas expectativas estavam altas e apesar de ser um livro muito bonito também e ter me conquistado, não conseguiu superar o primeiro livro que li da autora.


 Em "A história de nós dois" vamos conhecer Emma, ela está prestes a se casar com Richard, seu namorado de escola e para comemorar organiza uma despedida de solteira com suas melhores amigas.
 Era para ser um dia maravilhoso e muito feliz, mas na volta para casa Emma e suas duas melhores amigas, Caroline e Amy, acabam sofrendo um acidente grave, onde Emma é salva por um desconhecido e Amy acaba não resistindo aos ferimentos.
 Emma decide que o melhor é adiar seu casamento, e então começa a ter algumas dúvidas envolvendo sua amiga Amy e a nutrir alguns sentimentos por Jake, o herói que salvou a sua vida

 "Eu tinha lido todas as revistas e livros disponíveis sobre casamento, mas nenhum deles parecia tratar desta questão particularmente delicada: o que fazer quando, quinze dias antes do seu casamento, você de repente se vê apaixonada por dois homens?"

 Já de cara a história vem para partir o coração do leitor, é realmente muito doloroso acompanhar o sofrimento e o luto das amigas, vemos ali uma amizade muito forte e verdadeira que nem a morte é capaz de apagar e esse é um tema que mexe bastante com os sentimentos dos leitores.
 Então vamos acompanhar a forma como todos estão lidando com a perda, cada personagem lidando da sua maneira e dói ver Caroline, pois era a personagem que estava dirigindo e embora não tenha tido culpa alguma, se sente extremamente culpada pelo ocorrido.
 Mas não é só isso, o livro não vem abordar apenas a morte e a amizade, ele vem falar sobre outras coisas interessantes como o Alzheimer, a mãe de Emma tem a doença e na história vemos o quanto essa doença é cruel, afinal, ela rouba as lembranças das pessoas e é doloroso para a pessoa doente, mas pode ser ainda mais para quem convive com ela.

"Não se pode viver assim, com medo dos “e ses”. Não se pode prever o futuro, só fazer o melhor com o que tem, enquanto tem."

 Emma é uma personagem cativante, pois é uma ótima filha, desistiu de tudo para estar perto e ajudar seus pais, também é uma ótima amiga, capaz de se colocar no lugar das outras pessoas e perdoar seus erros.
 Jake é apaixonante, ele é o herói da história, apareceu no momento em que as amigas mais precisavam e tentou manter a tranquilidade, é sempre calmo e compreensivo, e embora pareça ser o tipo de personagem perfeito, ele não é, também tem seus medos e isso o torna mais humano e real.
 O relacionamento dos dois é algo obvio, o leitor sabe desde o começo que vai acontecer alguma coisa entre eles, mas a forma como tudo vai se desenrolando é natural, não há nada forçado e é bonito acompanhar tudo.
 E então temos Richard, o noivo de Emma, ele é um personagem lindo e admirável, é realmente tocante ver a forma como ele cuida da mãe de Emma e ele trata a noiva da melhor forma possível, por isso é impossível não gostar desse personagem, mesmo depois de descobrir tudo sobre ele. 
 Há um triângulo amoroso na história, mas não é aquele tipo de triângulo desnecessário e irritante, a forma como ele é construído convence o leitor e é o tipo de triângulo que você vai ficar em dúvida sobre qual dos mocinhos você quer que fique com a mocinha, porque os dois são ótimos, então qualquer que seja a escolha da mocinha ela vai ter escolhido bem.

“Este é o problema com a morte: não existe um guia de etiqueta sobre o que fazer em momentos dolorosos como a hora de dar condolências a alguém. Na verdade, ninguém sabe como reagir nem tampouco quer se aproximar demais da ferida aberta que é visível nos que ficam, como se aquilo pudesse ser contagioso.”

 Quando acontece o acidente, Amy agradece Emma por ter perdoado ela e isso fica na cabeça do leitor e de Emma, ficamos nos perguntando sobre o que Amy estava se referindo, mas em pouco tempo o leitor já sabe o que é.
 E esse foi o ponto "chatinho" da história, porque eu esperava que assim como no outro livro da autora,  eu fosse surpreendida por uma revelação que eu não esperava, ou seja, aqui nesse livro não há uma grande surpresa que vai pegar o leitor desprevenido.
 Mas vale ressaltar que embora seja algo previsível, não é algo que tire o encanto da leitura e a grande dúvida do leitor mesmo é sobre quem Emma escolheu, desde o início o leitor sabe que ela está com alguém, mas só no final vai saber quem é.


 O trabalho gráfico está simplesmente lindo, achei realmente muito bacana essa capa ter o mesmo estilo da do outro livro da autora e ter a textura emborrachada também. Por dentro não há muitos detalhes, mas a diagramação está ótima, as folhas são amareladas e o tamanho do texto está muito agradável para leitura.
 O livro é narrado por Emma, então o leitor acaba se envolvendo bastante com a personagem e entendendo mais facilmente todos seus sentimentos, e como ela é cativante e tem uma história emocionante, o leitor se vê envolvido com tudo e a leitura flui rapidamente.
 Algo interessante é que o livro começa com um capítulo nomeado como "O fim", que é o presente de Emma e então ela vem nos contar sua história, e no decorrer do livro temos outras partes sobre o presente da personagem.


 Essa não é minha obra preferida da autora, mas é uma história que me conquistou fácil também, pois  novamente a autora nos traz uma história tocante que vai fazer o leitor refletir muito sobre muitas coisas, principalmente fazer com que o mesmo se pergunte se está dando valor para tudo o que tem, porque podemos perder de uma hora para a outra.
 Para quem gosta de um bom drama com personagens cativantes e um romance bem construído, essa é a dica perfeita. Agora se você leu o outro livro da autora e está com as expectativas muito altas, eu devo alertar que talvez você não seja tão conquistado e surpreendido nesse livro, mas ainda sim será conquistado.

(livro recebido em parceria com a editora)

Deixe um comentário:

  1. Adorei a resenha
    mas não conhecia
    Beijinhos
    CantinhoDaSofia
    Facebook
    Convido-te a participar no Sorteio do cantinho
    Novo Sorteio ( Portugal & Ilhas )
    Tem post novo

    ResponderExcluir
  2. Oi Larissa, quero muito ler esse livro, especialmente por já ter conhecido e me apaixonado pela escrita da autora. Sem contar que só leio comentários positivos a respeito. Sua resenha me deixou ainda mais empolgada para fazer essa leitura também. Imagino mesmo que o enredo deve conquistar fácil, ainda mais para quem curte um bom drama e personagens bem construídos heim?! Espero conferir em breve também..
    Beijos, Fer

    ResponderExcluir
  3. Ai meu pai, só de ler sua resenha já entrou pro top da minha lista... gosto de histórias realistas, e esse negócio da dúvida antes do casamento rola mesmo, viu? ai amiga, adorei conhecer esse livro, obrigada! Quero ver que rumo Emma tomou! Adoro um drama, e tua classificação ótima só me fez ter ainda mais vontade de ler.... essa capa simplista está lindíssima.

    ResponderExcluir
  4. Eu quero muito ler esse livro, até estou com ele aqui e será uma das minhas próximas leituras. Olha, morri de medo de ler a resenha e ver algum spoiler, mas li até o final e não vi nada demais. Eu também li Uma Curva no Tempo e ali a autora me ganhou de vez, espero poder amar esse livro pois estou cheia de expectativas com essa leitura.

    ResponderExcluir
  5. Oi!
    A história também me conquistou fácil, eu adorei de mais conhecer mais a escrita da autora, pois também gostei de uma curva no tempo. Apesar de eu torcer pelo Jake, eu também não desgostava do outro par romântico da protagonista, então pra mim isso foi um ponto forte da autora. Não precisou destruir um para que ela ficasse com o outro. ♥ Adorei a sua resenha! beijoss

    ResponderExcluir
  6. Olá

    Quero muito ler esse livro e são tantas resenhas boas que me da até medo de não gostar. Fico feliz em saber que ele é bem envolvente e fiquei curiosa pra conferir porque se for previsível e mesmo assim encantador quero saber como isso é possivel hhahaha Enfim, quero muito ler.

    Everton Equipe Rillismo
    http://rillismo.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  7. Olá!
    Pelo visto a Dani gosta de colocar acidentes em seus livros e sobreviventes rs.
    Gostei muito da premissa desse livro e, apesar de achá-lo envolvente e emocionante, acho que ele não chega aos pés de Uma Curva no Tempo. Já posso imaginar o agradecimento de Amy a Emma, mas quero confirmar.
    Senti, como você disse, que o triângulo amoroso não é forçado e fiquei em dúvida sobre quem escolher ou para quem torcer :/
    Ótima resenha!
    Beijos,
    http://mileumdiasparaler.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  8. Essa capa é tããão linda! Acho que é uma das mais bonitas da editora! Eu também adorei Uma Curva no Tempo, foi uma leitura muito surpreendente pra mim. Que pena que dessa vez a Dani não te surpreendeu. A única coisa que me incomoda é o triângulo amoroso, pois eu não gosto. O outro livro também tinha, entretanto, uma das opções era um mau caráter, o que não parece ser o caso aqui. Espero poder ler em breve.

    Beijos

    ResponderExcluir
  9. Li esse livro esse mês também e me apaixonei! Que história arrebatadora! Já indiquei para todos os meus amigos lerem. Sua resenha ficou ótima! Eu adorei a autora ter começado por "o fim" e dividido isso em partes, achei bem original e manteve um suspense bacana na narrativa. Quero muito ler Uma Curva no Tempo! Acredito que irei amar :D
    Beijos

    ResponderExcluir
  10. Oi,

    Eu quero muito ler esse livro e estava até evitando ler resenhas dele para não desanimar. Mas eis que ocorrer o inverso. Sua resenha me cativou e eu fiquei muito curiosa para saber o desfecho dessa trama. Quando você falou da protagonista com algumas duvidas envolvendo a Amy já levantei minhas suspeitas e acho que elas se confirmaram ao longo da resenha. Porque se for previsível mesmo já sei o que aconteceu. rsrsrsrs
    Agora quer muito ler e confirmar minhas suspeitas. Amei sua resenha. Parabéns!

    Bjs

    ResponderExcluir
  11. Olá!!

    Eu fiquei interessada nele exatamente pela associação com a obra anterior! Desanimei um pouco agora, confesso. Ainda assim eu gosto muito de tramas que envolvem sentimentos profundos, luto. O fato do triangulo amoroso me chama a atenção, o contexto em que é inserido me agrada! Quero ler!

    Bjus
    Blog Fundo Falso

    ResponderExcluir
  12. Oi
    Adoro a escrita de Atkins.
    Esse livro foi muito gostoso de ler. A cada capítulo as coisas mudavam e a expectativa aumentava.
    Gostei da forma que a autora conduzia a história, mas esperava algo mais chocante.
    Concordo totalmente quando você diz que apesar de não ser a preferida, conquista fácil.
    Beijinhos
    Rizia - Livroterapias

    ResponderExcluir
  13. Oiee ^^
    Eu também adorei esse livro ♥ terminei de lê-lo ainda hoje, mas já estou com saudades dos personagens. Não sabia bem para quem torcer, gostei tanto de Richard quanto de Jack, mas ambos me torraram a paciência, e eu não conseguia imaginar como seria o final, já que a autora parece gostar de surpreender. Maaas, o livro é lindo ♥
    MilkMilks ♥
    http://shakedepalavras.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  14. Oi!
    Esse livro foi uma das melhores leituras do mês, eu adorei o estilo de escrita da autora, e principalmente em como ela pregou uma peça enorme em mim, me fazendo acreditar que a fulana ia ficar com um amando o outro hahahaha.
    Gostei bastante de como foi conduzida a história, e dos sentimentos que ela me passou, apesar de eu querer um bafô maior, gostei de como ela finalizou o livro

    ResponderExcluir
  15. Olá...
    Adorei a resenha, esta ótima e bem sincera... o livro parece intrigante embora eu não esteja no meu humor para ler o gênero, já tinha visto esse livro antes, e já li a outra obra da autora que eu gostei muito, de qualquer forma vou guardar a dica com muito carinho...
    Beijocas...
    https://westfalllivros.blogspot.com

    ResponderExcluir
  16. Oi Larissa, desde o lançamento desse livro estou bem curiosa com ele, parece ser o tipo de trama que estou procurando sabe? e sua resenha me deixou mais instigada ainda. Espero ter uma oportunidade de conhecer a obra uma hora dessas. Adorei!

    Beijos

    http://www.oteoremadaleitura.com/

    ResponderExcluir
  17. Ganhei este livro no meu aniversário e já o inclui nas minhas próximas leituras porque tenho certeza que vou apreciar. Como você, o primeiro livro dela me deixou devastada, mas muito satisfeita com a leitura e já quero ler este aqui também em função de tudo o que você colocou na resenha.
    MEU AMOR PELOS LIVROS
    Beijos

    ResponderExcluir
  18. Oi Larissa,
    Achei a história realmente bem cativante, gosto de narrativas que envolvam perda, sobreviventes e o seguir em frente. Ainda não li nada da autora, mas se fosse para começar,começaria por esse, justamente por não ter altas expectativas e acabar me surpreendendo negativamente com a outra obra. Se bem, que nesse mundo, isso sempre acontece, mas adorei a dica.
    Fiquei bem curiosa para saber com quem a personagem termina, é muito ruim torcer por um quando as duas opções são incríveis. Haja sofrimento. Adorei a resenha.
    Bjim!
    Tammy

    ResponderExcluir
  19. Pena que esse livro não conseguiu superar o outro que leu da autora, expectativas bem altas normalmente colaboram para isso... hehe... Amo as capas dos livros dela e ganhei esse, então vou acabar lendo, mas confesso que estou adiando isso porque tenho verdadeiro horror de triângulos amorosos. Mas me animei por saber que é uma história tocante que faz o leitor refletir sobre muitas coisas.

    Beijo.

    Ju
    Entre Palcos e Livros

    ResponderExcluir
  20. Oie!!!!
    Tirando a parte da expectativa de ser surpreendida que não se concretizou, dá para ver em sua resenha que você gostou bastante da leitura!
    Eventualmente vou lê-lo, pois fiquei curiosa com "os segredos" desta estória, mas não agora. Esse é o tipo de livro que tenho reticência de ler, pois é tão real, que é impossível não se colocar no lugar e chorar horrores! Foi assim também co o "Como eu era antes de você" e não me arrependi, mas esperei até estar com o espírito mais preparado pra leitura, se é que podemos ficar assim...rsrsrs
    Bjinhos ;)
    Elaine M. Escovedo
    http://www.caminhandoentrelivros.com.br

    ResponderExcluir
  21. Olá, tudo bem?
    O livro parece ser interessante, mas para ser honesta, geralmente passo longe de triângulos amorosos, sabe? Quando os autores utilizam isso para abordar uma história, quando a mocinha escolhe um dos mocinhos, eles meio que não pensam nos sentimentos da pessoa que sobrou e eu fico tipo, morrendo de dó por essa pessoa que acaba de ter o coração partido. Talvez eu dê uma chance para o livro futuramente, ainda mais por a autora não ser injusta e dar o prestígio merecido aos dois pretendentes e por passar a lição de que temos que dar valor a quem temos do nosso lado. Gostei da sua resenha.

    Beijos! ♥

    ResponderExcluir
  22. Ooi,
    Não li o outro livro da autora mas esse vem me chamando muito a atenção. Gostei dos pontos que você destacou na resenha e com certeza vou me apaixonar por Emma e sofrer com ela. Espero poder conhecer a história logo porque parece ser um livro que vou amar.
    Corujas de Biblioteca

    ResponderExcluir
  23. Olá, tudo bem? :)
    Infelizmente esse tipo de livro não me convence e por mais que a resenha esteja muito bem escrita e você fale maravilhosamente da autora, eu não consigo ter vontade de ler algo do tipo :3 Neste momento estou mesmo para as distopias e fantasias. Acho que último drama/romance que li foi Como Eu Era Antes de Você.
    Beijinhos
    www.fofocas-literarias.blogspot.pt

    ResponderExcluir
  24. Oie! Acabei de ler A História de Nós Dois há poucos dias e, acompanhando sua resenha, fiquei com vontade de passar por toda a experiência de leitura novamente. Como não li a obra anterior da autora, esse foi um enredo que me pegou de surpresa e me conquistou por completo. Há tempos quero ler "Uma Curva no Tempo", mas alguns comentários negativos me desencorajaram, no entanto sua resenha me deixou curiosa novamente e agora estou em dúvida, hahah. De qualquer forma, concordo com grande parte dos seus comentários sobre o enredo. Todos os temas abordados por Dani Atkins são impactantes e emocionantes. Infelizmente, diferente de você, não simpatizei com Richard desde o início. Simplesmente não fui "com a cara dele". De todo modo, o moço que Emma escolherá no início é um mistério, pois nada entrega os fatos. Começando pela capa que apresenta os dois homens na parte de trás - juro que tentei identificar o escolhido através das descrições, rs.

    Beijos,
    Fernanda Goulart.

    ResponderExcluir
  25. Não li a outra obra da autora e com esse título e capa parece muito se tratar de uma continuação do outro livro, com a sua resenha fiquei com a sensação de que a autora meio que tem uma fórmula em suas histórias, tendo que envolver uma tragédia bem marcante na história. É uma pena não ser uma história tão boa quanto Uma Curva no Tempo, que já vi comentários nem tão positivos sobre, mas a premissa em geral é instigante

    http://deiumjeito.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  26. Eu simplesmente amei essa resenha. Que maravilhosa e bem construída, me fez querer ler esse livro mais ainda.

    ResponderExcluir

 
Criado por: Bruna Borges || Todos os direitos reservados || Tecnologia do Blogger