Home Sobre Mim Resenhas Colunas Contato Parceiros

Resenha: O que me faz pular


 Desde que eu vi esse livro pela primeira vez eu fiquei curiosa, senti que seria um livro que me emocionaria muito e agradaria também, mas acreditem ou não, eu nunca tinha lido nada sobre ele, nem a sinopse e nem ao menos a frase da capa.
 No entanto, como eu imaginei eu gostei muito do livro mesmo, é tudo tão simples e sensível que fui cativada logo nas primeiras páginas.

"A maior de nossas provações é a ideia de que estamos causando sofrimento aos outros. Conseguimos lidar com nossas próprias dificuldades, mas o pensamento de que nossa vida é a fonte da infelicidade de alguém é quase insuportável."

 Em "O que me faz pular" vamos conhecer mais sobre como um autista pensa através do autor Naoki, que possui essa doença e que com ajuda de sua professora e da sua mãe conseguiu encontrar uma forma de se comunicar utilizando uma plancha de alfabeto.
 Poucas pessoas devem saber, mas um autista tem muita dificuldade em se comunicar verbalmente com alguém, na realidade eles não conseguem e por isso é difícil para quem convive com eles saber o que estão pensando, precisando ou querendo falar.
 E então Naoki vem falar para o leitor o que um autista pensa, explicar para nós o motivo de um autista agir da forma que age e toda a frustração que eles passam, com isso o leitor sente que está realmente conhecendo alguém que possui autismo e então a gente passa a entender um pouco disso, e é impossível não se emocionar.


 Naoki vai nos respondendo algumas perguntas, perguntas essas que são as mais frequentes, que os pais geralmente fazem para seus filhos, por exemplo ele nos fala o motivo de não fazer contato visual com as pessoas, por qual motivo os autistas não fazem o que mandam de imediato, etc.
 Ao todo são 58 perguntas que são respondidas de forma clara e simples, fazendo com que o leitor entenda facilmente tudo o que está sendo falado ali.
 E por qual motivo esse livro é tão especial? Porque ele vem revelar para nós o que um autista geralmente pensa e o que ele sente, com isso as respostas de Naoki ajudam a conviver com autistas e a entendê-los, e tudo o que eles querem é serem entendidos.


 E então você deve estar se perguntando qual parte do livro é emocionante e eu digo: Todas. Desde o início estamos meio que entrando na mente de um autista e então vamos vendo toda a dificuldade que eles passam, e como eles são mal compreendidos e ai a gente sente aquele aperto no coração, porque apesar de não ser a intenção, a maioria das pessoas não sabe lidar com autistas e acaba magoando eles.
 Por isso depois de ler esse livro é impossível se sentir neutro em relação ao que foi lido, ao mesmo tempo que é um livro simples, é um livro de grande importância, porque tem respostas para perguntas que por muito tempo ninguém tinha.
 Não digo que é importante só para quem convive com autistas, mas para todos, porque é de suma importância saber mais sobre como é ser autista e como eles se sentem, pois assim estaremos preparados para se relacionar com um, caso um dia conheçamos alguém assim.

"Não se pode julgar uma pessoa pela aparência. Mas, a partir do momento em que você entende o que acontece dentro do outro, vocês dois podem se tornar bem mais próximos. Do seu ponto de vista, o mundo do autismo deve parecer um lugar extremamente misterioso. Portanto, por favor, pare um pouco e ouça o que tenho a dizer."

 É muito difícil falar sobre tudo o que esse livro me fez sentir, é uma leitura leve e simples, mas mexeu comigo de uma forma que fazia um tempo que nenhum livro mexia, por isso sinto uma certa dificuldade em expressar tudo o que queria.
 E além disso é um livro que não há muito o que comentar, é aquela leitura que você só vai entender o quanto é especial quando você mesmo a fizer, porque resenha nenhuma vai conseguir demonstrar o quanto tudo o que está escrito no livro mexe com o leitor.


 A capa desse livro é simplesmente linda, a arte e a combinação de cores é incrível e esse título combina perfeitamente com o livro.
 Por dentro o livro está bem simples, não há detalhes, mas a diagramação está muito agradável, com a fonte em um ótimo tamanho para leitura e as folhas amareladas.
 A leitura do livro é muito fluida, como se trata de várias perguntas sendo respondidas não há muito texto seguido, e não há capítulos, o livro é dividido pelas perguntas.


 Enfim, "O que me faz pular" é uma leitura extremamente sensível que me cativou muito e por falar sobre algo tão importante eu recomendo que todos leiam algum dia.

"Para os autistas, viver é uma batalha sem trégua."

Deixe um comentário:

  1. Adorei sua resenha e as fotos também. Eu sempre tive muita curiosidade em ler esse livro, especialmente por conta da premissa e sua sensibilidade, que me interessa bastante. Confesso que a principio o que mais me cativou foi a capa, que, vamos combinar, é maravilhosa, né!!!
    beijos, Fer

    ResponderExcluir
  2. Olá!
    Conheço esse livro somente pela capa,que acho linda,e,assim como você, até então não sabia nada sobre o conteúdo que ele traz. Me surpreende ao ler sua resenha, não imaginava que fosse um assunto tão importante assim. Fiquei extremamente intrigada e cheia de vontade de ler num futuro próximo.
    Bjs!

    ResponderExcluir
  3. Eu ainda não conhecia o livro e pela capa eu não achei que a história fosse assim, tinha achado a capa estranha mas ao ler a resenha percebi que é perfeita para o livro, muito condizente com a história. Fiquei curiosa para ler, parece ser um livro emocionante do começo ao fim

    ResponderExcluir
  4. Oii!
    Essa capa está muito linda, já ouvi várias vezes sobre o autismo e adoraria ler esse livro, pra saber um pouco mais sobre o assunto, tenho certeza que irei me emocionar com a leitura!

    beijos
    http://apaixonadaporleiturass.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  5. Oi, tudo bem?
    Nunca tinha ouvido falar deste livro, mas já fiquei encantada pela capa. O tema parece ser bem relevante também, e imagino que, por ser a história real do próprio autor, tudo deve ser ainda mais comovente. Sou bem leiga no assunto do autismo, mas penso que gostaria de entender melhor sobre essas pessoas. Acho que a leitura do livro me agradaria muito. Obrigada pela sugestão. Beijos! ^-^

    ResponderExcluir
  6. Jurava que se tratava de alguma história relacionada a suicídio...
    Apesar do tema relevante e da curiosidade de saber um pouco mais da realidade autista, acredito que não seria capaz de desfrutar da leitura nesse momento, pois estou em uma fase que pede livros mais leves e menos emocionantes, mas não descarto por completo a possibilidade de vir a ler esse livro algum dia.

    Abçs
    Sou bibliófila

    ResponderExcluir
  7. Olá!
    Nossa, eu não tinha a mínima ideia de que o livro falava sobre autismo e que respondia essas inúmeras perguntas sobre o tema.
    A premissa desse livro me conquistou totalmente pela sensibilidade que ele parece conter.
    Espero ter a oportunidade de ter e ter esses sentimentos que ele despertou em você,
    Beijos,
    Um Oceano de Histórias

    ResponderExcluir
  8. Oie!
    Desde que eu vi a publicação desse livro eu fiquei curiosa para conferir, mas ainda não surgiu alguma oportunidade. Deve ser incrível conhecer um pouco mais do autismo, através dessas perguntas. Com certeza, um livro emocionante.
    Bjks!
    Histórias sem Fim

    ResponderExcluir
  9. Oi!
    Eu achei muito bonita a capa desse livro e a sinopse também. Gosto de livros simples, mas que nos conquistam, nos deixam emotivos, e nos fazem ficar balançados com a história. Esse livro já transpassa isso na capa. Não sei se eu leria - agora -, mas com certeza a dica está anotada. :) Parabéns pela resenha!

    beijo!

    ResponderExcluir
  10. Oiee ^^
    Eu também adorei esse livro ♥ confesso que o comprei por causa da capa, mas achei a obra tão sensível, tão original e tão incrível que me apaixonei completamente pelo livro! Acho que nunca tinha lido algo do tipo antes, então se tornou um dos meus queridinhos ♥
    MilkMilks
    http://shakedepalavras.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  11. Oi!
    Eu conhecia o livro só pela capa, que por sinal é linda, mas não sabia muito bem do que se tratava. Sua resenha me deixou curiosa, parece ser uma obra realmente muito sensível, sem contar que é didática, por trazer as principais perguntas que fazemos a nós mesmos sobre o autismo. Com certeza vou querer ler!
    Beijos!

    ResponderExcluir
  12. Oi
    Esse livro é incrível. Primeiro porque quase não temos leituras que tratam sobre o autismo e segundo porque a história foi incrivelmente bem conduzida. Realmente concordo com todas as ressalvas e elogios que você fez e se pudesse faria com que todos lessem.
    Adorei a dica.
    Beijinhos
    Rizia - Livroterapias

    ResponderExcluir
  13. Olá!! :)

    Confesso que esse tipo de livros nao faz muito o meu genero! :) Contudo, acho muito interessante para quem gosta! :)

    Essa capa esta mesmo fantastica! E a diagramçao parece maravilhosa (nao obstante a falta de pormenores). :) Que bom que essas questoes nao tem respostas muito grandes!! :)

    Boas leituras!! ;)
    no-conforto-dos-livros.webnode.com

    ResponderExcluir
  14. Sabe que estes dias eu ia comprar este livro porque achei que fosse de uma outra trilogia e agora que li sua resenha eu me lembro que quando abri achei que fosse de tipo livros positivos sabe? por causa destas perguntas e tal, jamais achei que fosse sobre isto e não lembro se tinha lido a sinopse. O problema é que a capa não me chamou muita a atenção e aí o interesse já se foi.

    Beijos,

    Greice Negrini

    Blogando Livros
    www.amigasemulheres.com

    ResponderExcluir
  15. Olá, eu ouvi falar muito bem desse livro e a sua resenha me deixou mais cativada ainda, eu adoro esse tipo de livro que deixa o leitor sensível, parece ter uma trama super cativante e delicada. Com certeza eu quero ler ele já!

    Beijos

    http://www.oteoremadaleitura.com/

    ResponderExcluir
  16. Gostei muito de conhecer esse livro, a capa me fascinou, e os quotes me fez parar só para ler novamente novamente de tão inspirador é a frase e como ela é cheia de verdades, acho que seria uma ótima leitura.

    ResponderExcluir

 
Criado por: Bruna Borges || Todos os direitos reservados || Tecnologia do Blogger