Home Sobre Mim Resenhas Colunas Contato Parceiros

Resenha: O Milagre


 Eu sempre gostei muito dos livros do Nicholas Sparks, então quando vi que esse seria lançado com uma nova capa, eu já o quis, mas diferente do que imaginei, eu não gostei tanto assim do livro.

Título: O Milagre   Autor: Nicholas Sparks   Editora: Arqueiro   Preço: R$ 29,90   Gênero: Ficção • Páginas: 288  


 Em "O Milagre" conhecemos Jeremy Marsh, um jornalista que não acredita em acontecimentos sobrenaturais, por isso ele sempre investiga um caso sobrenatural e o desmente. Então um dia ele recebe uma carta que conta que ocorre um momento de luzes estranhas em um cemitério do Boone Creek.
 Jeremy decidi ir passar uma semana nessa cidade para descobrir a real origem dessas luzes, para isso ele precisa contar com a ajuda da biblioteca, pois lá há vários livros e arquivos que poderão ajudá-lo na sua investigação.
 No entanto, Jeremy não esperava conhecer Lexie, uma mulher muito bonita e inteligente, a bibliotecária que irá ajudá-lo em sua investigação e mudar o rumo de sua história.


 Eu estava bem animada para ler esse livro, mas quando comecei a leitura foi muito devagar, o começo desse livro não é muito animado, então não prende a atenção do leitor de imediato, mas com o decorrer das páginas a história vai conseguindo envolver o leitor.
 O personagem masculino é o típico do autor; Ele é um perfeito cavalheiro que é pra conquistar o coração da leitora rapidinho, é a figura perfeita de um homem perfeito, sabe ser engraçado e romântico na hora certa. Mas quem já leu outros livros do autor, pode acabar ficando enjoada de sempre ter praticamente o mesmo personagem, mas com nome diferente.
 No entanto, o Jeremy é sim um personagem interessante, ele é muito inteligente e tem outras várias qualidades boas, por isso vai conseguir conquistar o leitor, mais ainda por causa de suas atitudes, as mesmas são bem maduras e decididas.
 A Lexie é aquela personagem que tem medo de se entregar porque já sofreu muito na mão dos homens, ela é independente e engraçada, então vai conseguir a simpatia dos leitores, mas algumas atitudes dela não me agradou.

"Você descobre quem é, o que quer, e então percebe que as pessoas que conhece desde que nasceu não enxergam as coisas como você. E guarda as lembranças maravilhosas, mas se vê seguindo adiante. É perfeitamente normal."

 O romance entre os dois era algo obvio que iria acontecer e vai acontecendo de uma forma bem bonita e natural, o que faz com que quem esteja lendo torça para os dois ficarem juntos, porque eles formam um belo casal.
 Muitas coisas nesse livro foram previsíveis, especialmente o tal milagre e esse livro é bem clichê em várias partes, mas é uma história muito bonita, por isso eu sei que vai agradar muitos leitores. 


 A capa é simplesmente linda, prefiro essa do que a antiga e acho bem bacana esse padrão que a Arqueiro tem para os livros do autor. Por dentro o livro está ótimo também, as folhas são amareladas e o tamanho da fonte está ótimo. A troca de capítulos está bem simples, mas ao mesmo tempo está muito agradável, o único ponto negativo é que o livro possui alguns erros de digitação, mas isso não atrapalha tanto a leitura.

"Um dia você vai descobrir alguma coisa que não pode ser explicada pela ciência. E quando isso acontecer, sua vida vai mudar de formas que nem pode imaginar."
 
 "O Milagre" foi uma leitura bonita para mim, mas foi mais do mesmo, algo que eu sempre encontro nos livros do autor, por isso o livro não me agradou tanto quanto poderia, mas ainda sim eu o recomendo, pois é um romance bonito que com certeza vai emocionar muitos leitores.

(livro recebido de parceria com a editora)

Deixe um comentário:

  1. eu recomendo , A Última Musica , Querido John, Uma Longa Jornada, Um Amor Para Recordar, que são do mesmo autor

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu já li um desses e espero ler outros o/
      Obrigada pela indicação :3

      Excluir
  2. Oi, Larissa. Fiz a leitura desse livro há alguns anos e também não me marcou tanto na época. Também não gostei muito da continuação. Foram livros bons, mas nada além disso. Ah, gostei bem mais dessa capa do que a antiga, quando o livro foi publicado por outra editora rs Está bem mais bonita. Beijos!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Camila.
      Eu ainda não li a continuação e confesso que não estou muito animada para ela kkkk

      Beijos :*

      Excluir
  3. Olá Larissa, não gosto de Sparks justamente por causa dos clichês, embora esteja lendo um livro dele atualmente - Diário de uma paixão, mas só porque assisti ao filme e adorei. Parabéns pela resenha, está muito boa.

    http://verdadesdeumser.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá, Alberto.
      Fico feliz em ver que gostou da minha resenha *-* Bom, é muito cheio dos clichês os livros dele mesmo e ultimamente os clichês não estão mais me agradando kkkkk

      Beijos :*

      Excluir
  4. Olá!
    Eu não consigo gostar do Nicholas Sparks de jeito nenhum.
    E eu não consigo entender porque ele faz tanto sucesso o.O
    Que pena que não gostou tanto quanto pensou que ia gostar, odeio quando estou cheia de expectativas e o livro acaba não sendo nada do que imaginei.
    Essa dica vou deixar passar...
    Beijão <3

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá o/
      As histórias dele são bonitas e muitas vezes bem emocionantes, por isso ele faz sucesso kkkkk

      Beijos :*

      Excluir
  5. Não acreditar em sobrenaturais e precisar investigar um caso que envolva atemática é punk, acho que o jornalista aprenderá muito... Assim, não curto muito o autor, nadinha, às vezes, até vejo um filme dos livros, mas ele não é meu perfil literário.
    http://www.poesianaalma.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É bem interessante essa investigação que ele faz e tudo o mais, mas como falei é mais do mesmo do autor kkkk

      Beijos :*

      Excluir
  6. Oieeee,
    Esse foi o primeiro livro do Sparks que li, e gostei muito.
    Li por causa de uma amiga que insistiu muito, eu sou bibliotecária como a Lexie e esse foi um dos motivos que me levou a ler o livro rs. Achei tudo meio clichê mas a história e os personagens me cativaram e o segundo livro À Primeira Vista é ainda melhor que esse, eu acho. Ainda prefiro a capa antiga, achei essa mulher da capa meio estranha parece que erraram no photoshop rsrs.

    Coração Leitor

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Jéssica.
      Eu confesso que não estou muito animada para a continuação, então não sei quando lerei :c

      Beijos :*

      Excluir
  7. Oi tudo nem?
    Então, eu não gosto muito de romances, mas os livros do Nicholas Sparks me conquistou, já li dois livros dele, e ontem eu comprei mais dois, agora o proximo da minha lista é esse, parabens pela resenha.
    http://literaturaparaosaber.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, tudo e ai?
      Fico feliz em ver que gosta de Nicholas, eu também gosto, apesar de todos os clichês, as histórias dele me agradam em alguns pontos.

      Beijos :*

      Excluir
  8. Eu você pontuou algo que eu acho sobre Nicholas "quem já leu outros livros do autor, pode acabar ficando enjoada de sempre ter praticamente o mesmo personagem, mas com nome diferente."

    Foi isso que aconteceu comigo. Eu não falo nas resenhas que leio, pois não quero parecer desagradável. Mas, infelizmente, é o que eu acho do autor.

    Beijos!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu gosto muito dos livros do Nicholas e tento nunca ser desagradável nas minhas resenhas, mas sou sincera e infelizmente foi isso que achei, então tive que por na resenha kkkkk

      Beijos :*

      Excluir
  9. Oie!
    Sua resenha está incrível! Mas vou confessar, não consigo gostar de Nicholas Sparks. Juro que tentei, mas não consegui terminar nenhuma das leituras e nem tentei ver os filmes. Eu sempre tenho aquela sensação do mais do mesmo!

    Um beijão!

    Blog Cheiro de Livro Nacional

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Daiane.
      Fico feliz em ver que gostou da resenha s2 Bom, Nicholas é mais do mesmo, mas ainda sim eu gosto de ler ele, vai entender kkkk

      Beijos :*

      Excluir
  10. Oláá
    Já li o livro mas ainda não vi o filme, adorei sua resenha, espero que o filme seja tão bom quanto o livro, a capa nova esta bonitinha, sou suspeita pois adoro o autor e a maioria de seus livros.

    Beijos
    http://realityofbooks.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi o/
      Fico feliz em ver que gostou da resenha :3 Bom, eu ainda não vi o filme, na verdade nem sabia que tinha filme e como não sou muito fã de filmes, acredito que não verei, mas espero que ele te agrade.

      Beijos :*

      Excluir
  11. Olá Larissa tudo bem, sobre o livro já tentei ler duas vezes mal algo nele que não me prendeu, sua resenha me fez lembrar que ainda preciso tentar seguir adiante! Bjkas

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá, Danielle.
      Tudo e com você? Fico feliz em ter lembrado você sobre o livro kkk

      Beijos :*

      Excluir
  12. Lari, achei bem legal a sua sinceridade na resenha, porque na realidade lemos o tio Nicholas porque ele é demais, mas é mega prevísivel o final das histórias,
    bjus

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, fico feliz em ver que gostou, eu sempre sou sincera nas resenhas, não sei mentir kkkk Enfim, Nicholas é bem previsível, mas ainda sim as histórias dele são bonitas, né?

      Beijos :*

      Excluir
  13. Apesar do Nicholas reproduzir histórias parecidas, eu continuo gostando da escrita dele. Acho que o fato de eu já saber que vou ler "mais um" já me prepará pelo que está por vir e não me decepciona.

    bjs

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá, Alessandra.
      Eu gosto do autor também, a maioria dos livros dele me agradam, mas acho que li muito dele e estou ficando enjoada mesmo, porque é tudo parecido :c kkk

      Beijos :*

      Excluir
  14. Gostei bastante da sua resenha. Traduziu o que sinto sempre que leio algum livro do Sparks. Sempre a mesma base, mesmo tipo de personagem, como você disse. Tanto a mocinha quanto o mocinho. Já desisti de ler livros do autor.
    Apesar disso essa pegada sobrenatural me deixou curiosa! hahahaha E agora? :P

    Infinitos Livros

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Samy.
      Fico feliz em ver que gostou da minha resenha :3 Bom, é sempre a mesma base mesmo, mas eu ainda gosto do autor kkkk Sobre a pegada sobrenatural, só lendo para saber mais, mas vou avisando que não é nada "ual".

      Beijos :*

      Excluir
  15. Oi tudo bom?
    Acredita que esse é um dos únicos livros do autor que tenho vontade de ler? Sei que é clichê mas né, as vezes é bom variar.
    Adorei a resenha e a parte sobrenatural

    Beijos

    http://penelopeetelemaco.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, tudo e ai?
      Fico feliz que gostou da resenha *-* Espero que você tenha oportunidade de ler o livro em breve e que goste dele o/

      Beijos :*

      Excluir
  16. Oie, Lari!
    Então, acho que você já sabe que eu não gosto de romance, né? Não nasci para o gênero. Certeza que não leria... E vejo que essa é uma reclamação bem recorrente dos leitores do Sparks. Sempre do mesmo, insistindo no clichê. Não sei se isso é lá muito bom... Talvez eu assista o filme.
    Gostei da sua resenha, sinceridade sempre!
    Com carinho,
    Celly.

    Me Livrando || Livre-se você também!

    ResponderExcluir

 
Criado por: Bruna Borges || Todos os direitos reservados || Tecnologia do Blogger