Home Sobre Mim Resenhas Colunas Contato Parceiros

Resenha: O Manual da Garota Geek

Título: O Manual da Garota Geek
Autor(a): Sam Maggs
Editora: Única
Gênero: Autoajuda
Páginas: 192

Sinopse: O manual da garota geek é o guia especial de tudo aquilo que nos faz incrível: nossas paixões. Embora o restante da humanidade acredite que as geeks são pessoas muito estranhas, a verdade é que apenas amamos e nos envolvemos demais com as melhores coisas da vida. Não importa o que você ame – quadrinhos, seriados de ficção científica, literatura juvenil –, se acabou de chegar ou se adora há anos, para ser uma garota geek o importante é amar com intensidade. Desde aprender a iniciar um blog legal sobre seus hobbies, planejar o próximo cosplay, organizar um evento geek ou simplesmente entender que tipo de nerd você é, este livro está aqui para ajudá-la. Encontre aqui tudo o que você precisa para que sua nerdice seja longa e próspera!

 Eu quis esse livro desde o dia em que eu o vi pela primeira vez, pois imaginei que seria uma leitura bem agradável, assim como o livro Geek Love, visto que ambos os livros são para pessoas geeks e embora eu não me considere tão geek assim, eu decidi ler esse manual e gostei muito.


 Esse livro é realmente um manual, ele vai ter várias dicas de como ser uma garota geek e embora ele seja um livro para garotas, os garotos também podem ler sem problema algum, mas o foco dele é as garotas, então os meninos podem não se identificar com muita coisa no livro.
 Logo no começo do livro a autora aborda o fato das pessoas acharem que geeks são pessoas estranhas e que muitas vezes as pessoas tentam diminuir os geeks por eles serem assim, mas não há nada de estranho em ser geek, esse grupo de pessoas apenas são um tanto viciadas em alguma coisa e expressam seu amor por isso.
 Mas no meio desse mundo geek, há vários fandoms diferentes e a autora apresenta vários para os leitores, ela nos dá os nomes dos fandoms, as características deles, os acessórios e dicas de como se tornar uma geek desse fandom em questão.
 Além disso, a autora nos explica alguns termos usados pelas geeks, termos esses que eu não conhecia, mas achei bem bacana conhecer, mais ainda porque a autora explicou de uma forma de fácil compreensão. 


 Geralmente os geeks não saem muito, pois na internet é o lugar mais fácil para se achar outros geeks, né? Mas como todo mundo sabe, às vezes é muito bom sair por ai e conhecer pessoas, pois isso a autora vem dar dicas de lugares onde você pode encontrar pessoas parecidas com você e que vão eventualmente virar seus amigos.
 Caso você não encontrar um lugar bacana onde terá pessoas geeks, a autora ainda vem e dá dicas de como converter seus amigos não geeks em geeks, o que é bem mais interessante caso a pessoa não seja tão sociável.
 Além dessas dicas, a autora dá outras várias e pelo menos uma vai te ajudar, caso você queira ir em alguma convenção geek, nesse livro você encontra um guia super completo do que levar, do que fazer e não fazer, entre outras coisas. 

"Sempre haverá alguém, em algum lugar, que tem algo negativo a dizer. Não dê ouvidos a essa pessoa. Seja forte e confie em você e no que gosta. Contanto que não seja uma assassina serial."

 Então depois dessas dicas, a autora vem falar um pouco sobre o feminismo, pois geralmente garotas geeks são feministas, ela dá motivos para a leitora ser, fala sobre alguns mitos sobre o feminismo, dá dicas de animes/séries/filmes/livros com personagens femininas heroínas, etc.
 Eu gostei bastante dessas dicas de onde encontrar heroínas, pois muitas vezes é difícil encontrar uma história legal que não seja com um herói, geralmente as personagens femininas são fracotes, mas nas dicas da autora não, elas são as heroínas e isso é bem interessante.


 A capa do livro está linda, a combinação de cores ficou ótima e todo esses desenhos representam bem alguns fandoms de garotas geeks. Por dentro o livro também está muito bonito, tem algumas ilustrações e o tamanho da fonte do texto está ótimo, a cor do texto está em azul e a folha é branca, mas nada que atrapalhe a leitura.
 O livro é fininho e a leitura flui facilmente, pois é como se estivéssemos em um bate-papo com a autora, mas para que a leitura seja agradável, é preciso que a leitora ou leitor goste de temas geeks, pois só assim vai se identificar e ficar curioso com o livro, caso contrário pode achar a leitura entendiante.
 Enfim, "O Manual da Garota Geek" é um livro muito interessante que possui dicas ótimas, mas recomendo a leitura dele apenas para quem se considera uma garota geek ou quer ser uma.

(Livro recebido de parceria com a editora)

Deixe um comentário:

  1. Eu já ouvi falar desse livro, mas a princípio não tinha me identificado... Agora com a sua resenha eu fiquei morrendo de vontade de ler, já está na minha wishlist.
    Adorei
    Bjs
    http://myself-here1.blogspot.com/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá, Bárbara.
      Fico feliz ao ver que gostou da resenha e espero que você tenha oportunidade de ler o livro em breve :3

      Beijos :*

      Excluir
  2. Olá! Adorei conhecer seu blog :)
    Não gosto desses tipos de manuais porque parece que separam ainda mais as pessoas em panelas jdfsduf é a impressão que tenho!


    xx Carol | Espilotríssimo
    www.carolespilotro.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá, Carol o/
      Fico muito feliz ao ver que gostou do meu blog s2 Bom, de certa forma eu até que concordo com você, mas mesmo sem os manuais as pessoas já se separam em panelinhas, né? kkkk

      Beijos :*

      Excluir
  3. Olá, estou percebendo um aumento nos livros focados nos Geeks. Tanto esse que você resenhou e o outro que você citou, estou vendo vários outros títulos :D
    Não sou geek, mas gosto muito de anime hahahaha acho que iria ler só por isso, para saber que dica que a autora poderia me dar, ou se eu já vi algum anime que ela indicou.
    A capa realmente está bem bonita, e acho que a diagramação também :D
    bjs
    www.horadaleitur.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  4. Lari lindona mesmo com a capa lindinha, esse livro não me chamou atenção, por não se encaixar assim tão no meu perfil. Vou indicar a minha filha tenho certeza que ela vai gostar. beijos

    Joyce
    www.livrosencantos.com

    ResponderExcluir
  5. Tenho a impressão que esse tipo de livro foi lançado apenas para influenciar as pessoas, ou estimular aquelas garotas com pouca imaginação que mudam por algum cara qualquer. Contudo, eu fiquei curiosa com o livro e até teria dado uma chance se não fosse pelo fato que não consegui ir em frente nem com Geek Love imagine esse, mas é legal para quem esta muito interessado em ser ou parecer um geek

    ResponderExcluir
  6. Olá Larissa, esse livro parece ser bem legal e cheio de coisas interessantes como as dicas de historias com heroínas fortes, mas mesmo assim não achei que seja uma leitura que vai me empolgar...

    Visite "Meu Mundo, Meu Estilo"

    ResponderExcluir
  7. Olá, tudo bem?

    Recebi esse livor mas passei para uma das colunistas lá do blog pois é mais o estilo dela, mas antes de passar eu dei uma folheada e que diagramação perfeita! A editora caprichou muito nesse quesito e o livro está lindo de uma forma geral, tanto a capa quanto o conteúdo. Confesso que não fiquei com vontade de ler por seu foco ser o público feminino, mas se ele tiver um estilo parecido com o de Geek Love eu talvez deva comprar, pois adorei aquele livro e a diagramação dele também é linda. Funko <3

    Abraços,
    Matheus Braga
    Vida de Leitor - http://vidadeleitor.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  8. Oi, Lari; Tudo bem? Eu achava que esse livro era de ficção e tal, nunca tinha lido resenha e/ou sinopse; Mas achei interessante um livro de auto ajuda sobre esse assunto. Provavelmente ele não tem aquelas características chatinhas de auto ajuda e por isso acredito que a leitura seja bem divertida. Não sou geek mas de modo geral gosto desse universo e até que gostaria de ter uns amigos assim :P quem sabe sse livro não me ajuda a entrar nesse mundo haha Beijos.
    Blog Cantar Em Verso

    ResponderExcluir
  9. Oi Larissa, sua linda, tudo bem?
    Também estava com saudades de passar por aqui!!!!!!
    Engraçado, você citou algo no fim da resenha, sobre termos poucas heroínas nas histórias, pois parece que esse papel é cativo dos homens. Eu vi um vídeo sobre um estudioso falando exatamente sobre isso.
    Gostei muito da frase da autora que diz que em qualquer lugar sempre vamos encontrar alguém que irá falar algo ruim, negativo. Nossa, isso vai além do universo geek, é uma verdade tão grande. O livro parece ser muito legal. Sua resenha ficou ótima e eu adorei esse bonequinho, não sei o nome dele.
    beijinhos.
    cila.
    http://cantinhoparaleitura.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  10. Acho muito legal esse mundo geek, mas mesmo assim não me interessei pelo manual... sei lá, não tenho o menor interesse em achar minha turma específica nesse meio, me contento sem ser fã de certas coisas e pronto, não me vejo de jeito nenhum em um fandom, por exemplo. Fiquei com preguiça dessa parte que dá instruções, tipo o que levar para uma convenção geek, o que fazer e o que não fazer... mas é um manual, afinal, faz parte. A única coisa que achei interessante foi a parte sobre as personagens femininas heroínas, mas já conheço algumas.

    Beijo!

    Ju
    Entre Palcos e Livros

    ResponderExcluir
  11. Oi Larissa, eu li Geek Love e achei bem bacana, mas não a ponto de ler o manual da garota geek, já que não me encaixo totalmente nesse perfil. Pelo que você escreveu, achei os dois livros bem parecidos, então acho que os dois cumprem bem o papel de auxiliar os geeks.

    Bjs, Glaucia.
    www.maisquelivros.com

    ResponderExcluir
  12. Que gostosa sua resenha Lari! Adoorei. Tenho um outro livro de Geeks, acho que já comentei aqui, mas até hoje não li rsrsrs
    Beijos!

    ResponderExcluir

 
Criado por: Bruna Borges || Todos os direitos reservados || Tecnologia do Blogger