Home Sobre Mim Resenhas Colunas Contato Parceiros

Resenha: O Projeto Rosie


Sinopse: Perto de completar 40 anos, o peculiar professor de genética Don Tillman havia desistido do amor. Para acompanhar sua rotina severamente cronometrada para a execução de cada compromisso (inclusive para a prática de exercícios físicos antes de dormir) e lidar com sua falta de habilidade social, só mesmo a mulher perfeita. E ele já sabe como encontrá-la. Ou pelo menos acha que sabe. Ele desenvolve o projeto Esposa Perfeita, um questionário meticuloso que irá ajudá-lo a selecionar candidatas adequadas a seu estilo de vida. Mas quando Don conhece a jovem Rosie, ele descobre que nem tudo na vida pode ser programado... e que o amor pode, de repente, vir a seu encontro.
Páginas: 320




 Confesso que comprei esse livro sem nem ao menos ter visto a sinopse dele, então comecei a ler sem ter noção de nada e me surpreendi, porque não é um livro de romance clichê, é um livro engraçado.
 Don é professor de genética, tudo na sua vida é organizado e isso inclui o tempo que ele faz as coisas, ele possui até um cardápio de comidas para cada dia da semana, ou seja, toda terça-feira ele come a mesma coisa, o que é uma mania estranha e ao mesmo tempo interessante, afinal, poucas pessoas fazem isso.
 Como estava cansado da vida de solteiro, Don decidi encontrar uma esposa, mas não uma esposa qualquer, ele quer a esposa perfeita, que se encaixe em todos os seus requisitos e que consiga seguir a rotina de vida dele, então ele cria o Projeto Esposa Perfeita, que no caso é um questionário onde estão perguntas, cujas respostas devem ser de acordo com as exigências de Don, senão a candidata será desclassificada, mas então eis que surge Rosie, uma mulher que é completamente o oposto da esposa perfeita que Don espera encontrar.
 Então Don já descarta a possibilidade de se casar com Rosie, no entanto, decide ajudá-la a encontrar o seu pai biológico e inventa o Projeto Pai que irá proporcionar muita aventura para os dois e também trará muitos problemas, mas que para nós leitores é incrível, pois os acontecimentos são uma comédia e nos fazem rir.

- Gene me mandou a mulher mais incompatível do mundo. Uma garçonete. Atrasada, vegetariana, desorganizada, irracional, nada saudável, fumante - fumante! -, com problemas psicológicos, que não sabe cozinhar, é matematicamente incompetente, com um cor de cabelo artificial. Acho que ele estava fazendo uma brincadeira comigo.

 Don nos mostra desde o começo do livro ser um homem muito inteligente, tanto que até fica um pouco bobo, mas isso é só mais um dos seus charmes para conquistar seus leitores. Eu ri muito com o que ele fazia e toda vez eu pensava em como ele era um bobão, mas ao longo do livro fui me apaixonando por Don, é um personagem incrível e diferente de todos que já conheci.
 E a Rosie? Ela é uma mulher linda, educada e inteligente, mas é fumante, o que Don não admira nem um pouquinho e devo confessar que eu também não. Mas ela é uma mulher engraçada e que vai virar a vida de Don de cabeça para baixo, transformando ele em outro homem, pelo menos em sua vestimenta.
 Eu não poderia deixar de comentar sobre Cláudia e Gene, um casal que tem um casamento aberto, o que possibilita Gene ter relação com várias outras mulheres, mas ele gosta de sair com mulheres de nacionalidades diferentes e marca quais países ele ainda não saiu, uma mania estranha também, não é? Só podia ser amigo de Don.
 Vai acontecer muita coisa nessa história, Don irá descobrir que o amor aparece de repente e que a gente não escolhe quem vai amar, Rosie irá deixar seus medos de lado para ser feliz e Gene vai ver que muita coisa em sua vida precisa mudar. 

 "Eu convidei você para vir aqui esta noite porque, quando percebe que quer passar o resto da sua vida com alguém, quer que o resto de sua vida comece o mais rápido possível." 

 Apesar de ter encontrado alguns erros no livro, não foi nada extraordinário, foram pequenos erros, apenas. A leitura para mim foi muito agradável e gostosa, pois foi leve e me prendeu muito, foi o tipo de livro que eu queria ler logo para descobrir o que ia acontecer, mas quando estava no último capítulo, fiquei enrolando para que a leitura não acabasse, não queria me despedir do Don tão cedo, ou seja, teve o momento em que eu queria "engolir" o livro e teve o momento em que eu queria "degustá-lo".
 Enfim, eu recomendo muito esse livro, pois ele nos ensina várias coisas sobre o amor, com as experiencias de Don aprendemos muito e percebemos que às vezes o famoso ditado "Os opostos se atraem" é válido.

Deixe um comentário:

  1. Esse livro é lindo né? Eu achei!!
    A resenha ficou um amor!! Adorei!!
    Parabéns!!
    E seu blog também é muito fofo ♥

    Bjkas

    Lelê Tapias
    http://topensandoemler.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Você aqui? Omg *o*
      Eu adoro o seu blog, estou muito feliz pela visita ><
      Enfim, eu adorei o livro, é lindo mesmo!

      Obrigada e beijos :*

      Excluir
  2. Nossa, nota 5?? Fiquei super curiosa agora!!
    Valeu pela dica flor! Beijinhos

    www.serleitora.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sim, nota 5 com muito amor <3 kkkk'
      Leia, acredito que irá adorar!
      Beijos.

      Excluir
  3. Oi :) Primeira vez por aqui
    Já vi bastante resneha sobre esse livros e todas falando super bem, comprei o livro esses dias quero muito ler o mais breve possivel e ter minha opinião ^^
    Brubs
    contodeumlivro.blogspo.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, seja bem-vinda então *o*
      Eu comprei só tendo ouvido elogios dele e agora eu que elogio, é realmente uma gracinha esse livro, acredito que você vai gostar.
      Beijos :*

      Excluir
  4. Oi, Larissa!
    Já li esse livro e ele me surpreendeu também! É muito engraçado e a história é fofinha também. O Don é um super personagem! :)

    Beijos,

    Rafa {Fascinada por Histórias}

    ResponderExcluir
  5. Sabe o que eu já reparei, as melhores leituras são aquelas onde a gente vai às cegas, sem a menor noção do que trata, sem saber o que nos espera.
    Sempre vejo esse livro na promoção, mas nunca compro, só que agora sua opinião me convenceu.

    Beijos.
    Leituras da Paty

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. São mesmo, porque dai a gente não tem nenhuma expectativa, não espera nada e acaba se surpreendendo. Eu raramente leio resenhas por essa razão, pois é tão gostoso pegar um livro e ler sem saber de nada <3
      Que bom saber que te convenci, espero que você goste da leitura <3
      Beijos :*

      Excluir

 
Criado por: Bruna Borges || Todos os direitos reservados || Tecnologia do Blogger